RAP MULHER PRETA E PERIFÉRICA, CONHEÇA A VEZ DAS MINAS!

REDAÇÃO

Foto retirada da Página do Facebook de A VEZ DAS MINAS

Vocês já conhecem, ouviu ou curtiu a sonzeira ao vivo de A VEZ DAS MINAS? Pois, se não, pode correr!

Coletivo de rap baiano de Feira de Santana, têm em sua formação três mulheres negras (Lina Macêdo, Thamires Santos e Lavínia Souza). Como descrito na própria página do Facebook, o grupo vai além da música. É arte, é resistência, é visibilidade cultural, social e política sempre com muita poesia.

A VEZ DAS MINAS surgiu das ruas e palcos de Feira e vem ganhando espaço no meio de um cenário ainda muito machista que é o rap, sempre questionando a ordem das coisas a partir da linguagem da luta feminista e negra, denunciando a violência, a opressão, o ódio. As letras das músicas são impactantes e marcantes.

Em seu canal de youtube, além de vídeos de apresentação das três artistas, que se apresentam como Tulipa Negra, Criolafro e Storm, o último single, VÍRUS, já bateu 3k de acessos. VÍRUS fala de muita coisa! Fala de gênero, de raça, de sexualidade, de resistência do povo negro e, como sempre, com muita denúncia social. Falam de Marielle, Frida, Dona Claudia, Nzinga, Dandara, Zeferina e também falam de outros corpos feirenses (Natasha, Yumê, Xavier).

Com uma das letras de outra poesia, elas mostram o quanto são necessárias para a disputa de espaço no Hip-Hop:

“Entrei no jogo não foi pra jogar, e sim pra lutar” / “A cena a nós não foi dada e nosso espaço vamo conquistar nem que seja na marra / Não vá pensando que é só em love que nós se amarra / A cena do hip-hop nós vamos tomar nem que seja na marra”.

Por meio da força do rap das minas e da representação da Onda Feminista que é negra e periférica, o cenário musical baiano precisa conhecer A VEZ DAS MINAS e espalhar pra o mundo inteiro, principalmente pelas dificuldades diárias que enfrentam pra fazer arte, e arte de mulheres negras.


RAP MULHER PRETA E PERIFÉRICA, CONHEÇA A VEZ DAS MINAS! RAP MULHER PRETA E PERIFÉRICA, CONHEÇA A VEZ DAS MINAS! Reviewed by Rede Idea Chek on dezembro 17, 2018 Rating: 5